Sábado, 27 de Dezembro de 2008

E ASSIM VÃO AS COISAS POR AQUI

Pois é, por cá estamos bem, boa comidinha (modéstia à parte) boa companhia, muita conversa, e longas "jogatanas" de cartas até de madrugada...

Pouco temos saído de casa. Por isso, para vermos árvores de Natal como esta, só mesmo na net. E assim termina este quadradinho...

 

 

Não há tempo para mais.

sinto-me: BEM
publicado por artesã às 19:07
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 24 de Dezembro de 2008

FELIZ NATAL

Venho só desejar um santo e feliz Natal a quem por aqui passar, tenho a minha casa e o meu coração cheios de alegria e paz, quando tiver mais tempo, voltarei, até lá desejos de boas festas.

sinto-me: MUITO FELIZ
publicado por artesã às 02:30
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 13 de Dezembro de 2008

RECORDANDO OUTROS NATAIS

Esta tarde aproveitando que o tempo estava de chuva, estive organizando algumas coisas cá por casa, tendo em conta que o Natal está a chegar. Fui desempacotar as figurinhas do meu presépio, luzes para a arvore, fitas, bolas, etc. e então dei por mim a recordar outros Natais já longínquos. Quando era criança, sempre houve presépio e arvore de natal na minha casa, e nessa altura não eram muitas as pessoas que faziam presépio, e muito menos arvores de natal, os tempos eram outros. Mas como vivíamos perto da base das lajes, tínhamos acesso a algumas coisas que agora são banais e que felizmente quase todas as pessoas  com meia dúzia de euros podem ter. Mais tarde já casada, continuei com a tradição natalícia, e encontrei no meu marido um grande entusiasta para essas coisas, passou a ser ele o “mestre” do nosso presépio, e assim tem sido já lá vão mais de 30 anos. O ano passado não foi bem como tínhamos planeado mas a vida é mesmo assim. Espero que este Natal seja bem mais alegre. Os filhos já estão crescidos e ainda não temos netos, mas estaremos novamente juntos, e na verdade é isso que importa. Confesso que me dá por vezes saudades de outros natais cheios de brinquedos, e risos de crianças. Eu fui filha única, e tenho 2 filhos, mas sempre tivemos e temos uma relação muito proxima com os sobrinhos do meu marido que são 3, 2 rapazes e uma rapariga, por isso os meu pais tinham um carinho especial para com os meus sobrinhos. Recordo o meu pai sempre preocupado para que os brinquedos que dava aos netos serem mais ou menos do mesmo valor dos que gostava de dar aos meus sobrinhos, eles quando eram pequenos, até por vezes diziam que ele era o avô L. E a minha mãe era a “Bibia” que ara a forma como a minha sobrinha a chamava. Como o tempo passou, os meus sobrinhos e os meus filhos hoje são adultos e os meus pais, já partiram deste mundo. Restam as lembranças do que já foi, e não volta mais. E assim termino mais este quadrado desta minha colcha, que é como digo, uns organizados, outros não.

 

sinto-me: CHEIA DE LEMBRANÇAS.
publicado por artesã às 22:08
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|
Quinta-feira, 11 de Dezembro de 2008

UM PRESENTE DE NATAL

 

"Trabalha como se não precisasses do dinheiro.

Ama como se nunca tivesses sido magoado.

Dança como se ninguém estivesse a ver-te.

Canta como se ninguém estivesse a ouvir-te.

Vive como se a terra fosse o paraiso."

 

Li isto algures na net, não sei quem escreveu mas gostei e decidi partilhar com quem por aqui passa. É o meu presente de Natal para todos.

 

sinto-me: Bem disposta
publicado por artesã às 22:59
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 9 de Dezembro de 2008

NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO.

Ontem foi um dia muito especial para mim, dia em que entrei para a Confraria de Nossa Senhora da Conceição. Para mim ela é muito importante, sempre esteve no meu coração e muito me tem ajudado em vários momentos da minha vida, por isso me sinto agradecida.

Estou muito feliz por assim mais de perto poder louvar Nossa Senhora da Conceição.

sinto-me: EM PAZ COMIGO E COM OS OUTROS
publicado por artesã às 01:17
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Segunda-feira, 1 de Dezembro de 2008

Carta ao Pai Natal

 

 

Quando os meus filhos eram pequenos, desde muito cedo me recordo das cartas que eles escreviam ao Pai Natal, ainda mesmo sem saberem ler nem escrever. Eram uns rabiscos que só as mães sabem decifrar, mas era uma tarefa que eles levavam muito a sério! Só que eu tinha que pedir para eles me lerem o documento, para eu conseguir perceber o pedido.

 

Hoje como eles já cresceram, e deixaram de acreditar no Pai Natal, chegou a minha vez de o fazer.

 

Então vou começar, (espero que o Pai Natal seja um “rapaz” moderno que ande a passear pelas internetes).

 

Olá Pai Natal, estou a escrever a minha primeira carta para ti, espero que não esteja muito frio por aí, e que a Mãe Natal esteja de boa saúde, nós por aqui tudo bem, ou como a malta nova diz, tudo Bué da fixe, (estou tentando me adaptar a estas novas palavras, quem sabe se não farão parte do novo acordo ortográfico?)

 

Então é assim, começo por pedir o que quase todas as pessoas querem, que é paz para o mundo, sei que não é fácil mas não custa nada dar uma ajudinha.

Depois, podes oferecer umas férias prolongadas à D.ª Crise? É que estamos fartos de ouvir falar nessa senhora, e com um pouco de sorte ela ficaria longe por muito tempo.

 

 

Também fazem falta uns aviões que nos levem daqui até ao Continente, a preços mais simpáticos, que estes que cá temos estão pela hora da morte.

Queria pedir-te um empurrãozinho nas obras da Via Vitorino Nemésio, é que já parecem as obras de Santa Engrácia, sabes, já não se aguenta tanta confusão ou será tanta incompetência?

 

E se ajudasses a resolver o imbróglio em que se tornou o processo da Casa Pia? Já não há pachorra... e os “coitados” dos pobres ricaços envolvidos nos escândalos com os bancos? È de mais! Este país está mesmo de rastos só mesmo tu, ou o Menino Jesus, podem fazer alguma coisa, enfim!

 

Olha, vê lá se podes fazer alguma coisa pelos meninos que não vão receber brinquedos este Natal, ao menos que tenham um tecto sobre a sua cabeça e alguém que olhe por eles, alguém que os proteja dos maus (sei que este não é bem o teu departamento, mas sabes, os “lobbies” estão na moda).

 

Agora termino, se calhar ainda volto a escrever-te, é que eu não era bem isto que queria pedir-te, mas foi o que me deu para escrever. Até à próxima. 

publicado por artesã às 09:58
link do post | comentar | favorito
|

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Passaram por aqui...




My blog is worth $1,693.62.
How much is your blog worth?

Maio 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Mãe...

...

40 anos...

...

Saudade

...

Balada da neve

Páscoa

...

Saudade...

Arquivos

Maio 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Julho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Outubro 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Link Me




Por onde ando...

O Blog da Joanina
O Blog da Joanina
Azoriana Blog
Azoriana Blog