Quarta-feira, 2 de Janeiro de 2008

DIAS DIFICEIS

                                              

O dia 25 de Novembro fica marcado na minha vida pelo lado negativo. Todos nós temos dias assim mas eu tento sempre seguir em frente, de cabeça erguida, mesmo que alguma lágrima tente cair! E quando julgava que tudo estava a melhorar novamente algo se modificou...

Quando me preparava para dar os parabéns à minha filha no dia do seu aniversário, 29 de Dezembro, recebi a notícia (pelo telefone e dada com muita frieza) de que a minha mãe tinha partido deste lugar a que chamamos terra.

O meu mundo tremeu, tinha acontecido e eu aqui tão longe... não sei como, mas lá me preparei para lhe ir dar um último beijinho.

Horas muito difíceis carregadas de muitas lágrimas. Mais uma vez foi uma longa noite, e só consegui chegar à minha ilha no dia seguinte. Ela estava velhinha, mas nunca pensei que isto acontecesse agora. Foi como ela desejava pois dizia-me sempre que não queria dar “trabalho”. Deixou-me com todo o tempo do mundo para eu estar com o neto sem ter de me preocupar com ela - sempre foi assim, toda a vida se preocupou com os outros.

Tantas recordações que nós temos, ela adorava os netos, e todos os meses se preocupava em guardar o dinheiro da sua reforma (tão pequenina já de si) para lhes dar quando eles iam de férias.

Vivia comigo há 12 anos mais ou menos, não me recordo de ter tido alguma discussão com ela, nem uma palavra mais desagradável e embora haja o mito de que sogra e genro andam sempre às turras, lá em casa não era assim. Se é verdade que o Céu existe, tu mãezinha deves estar lá, olhando por nós.

Mãe, não consigo dizer-te adeus, vais estar sempre no meu coração, ou melhor: no nosso coração.

Obrigada por teres sido a minha mãe!    

Mais um quadrado feito de lágrimas. 


sinto-me: profundamente triste
publicado por artesã às 17:00
link | comentar | favorito
10 comentários:
De TiBéu ( Isa) a 2 de Janeiro de 2008 às 18:44
Ups minha amiga
Eu sei o que isso doi, os meus pais para mim eram como irmãos, brincavamos e falavam sério quando era preciso, tambem nunca me lembro de me zangar com eles, e olha amiga já não os tenho, doi, doi muito, primeiro partiu o meu pai, que eu adorava e depois passados alguns anos minha mãe. Mas parece que a nossa mãe é um bocado de nós que parte. tambem com a lagrima no olho aqui deixo uma palavra, ela está sempre contigo, será o teu anjo da guarda.
Sem conseguir escrever mais nada. Fica um bj amigo


De Estupefacta a 2 de Janeiro de 2008 às 21:10
Querida amiga
Nem sei o que dizer, mas sei que gosto muito de ti e peço a Deus que te ajude a aliviar a tua dor, angústia e saudade.
As mães são mesmo assim, vivem para os que mais gostam. Ela estará sempre contigo, lá no alto a olhar por ti e pelos netos.
Conta comigo. Se quiseres estou em Estou_estupefacta@sapo.pt . A partir daí trocamos outros meios de nos comunicarmos.
Um grande beijinho e que Deus te dê muita força


De maripossa a 2 de Janeiro de 2008 às 23:51
Querida amiga. Lamento a perda da sua mãe, como dizem parte um pedaço de nós é a mãe! espero entretanto que o filho esteja melhor, agora terá de ser forte, pensar que estará sempre consigo em qualquer hora. Beijinho de amizade e abraço de conforto.maripossa


De cindamoledo a 10 de Janeiro de 2008 às 19:43
Amiga só pior que a morte de uma Mãe, deve ser a morte de um filho, acho eu. Também a minha Mãe já me deixou, ainda era nova tinha 74 anos. Sinto muito mas mesmo muito a sua perda, Mãe é tudo para nós, ouve, aconselha , ralha, dá carinhos. Mas não são eternas como todos nós. Lamento, mas lá iremos nos encontrar todos um dia, aonde não sei!!! um beijinho e espero que o filhote esteja a recuperar bem. cinda


De daplanicie a 13 de Janeiro de 2008 às 18:32
Oh amiga que tristeza! Sabemos que é uma coisa natural mas que nunca queremos que aconteça! Os meus sinceros pêsames e que o ano de 2008 seja infinitamente melhor para ti e toda a tua família.
Beijinho


De RPM a 15 de Janeiro de 2008 às 14:30
olá minha Amiga!

Com muita saudade aqui deixo a minha energia para enfrentar muitos dias sem a Mãe!

beijo amigo

RPM


De Kika a 17 de Janeiro de 2008 às 07:47
Não imagino como seja nenhuma das dores. A de perder uma mãe, a de ter que optar entre uma mãe e um filho... Não imagino, por isso não posso fazer aqui um grande comentário. Apenas posso dizer que vale a pena acreditar que foi para o bem dela, que está neste momento a olhar por ti de um sitio bem melhor que este nosso planeta.
Um beijo grande de muita força!


De joaquim amandio santos a 18 de Janeiro de 2008 às 15:18
o que é o conhecimento?

visão directa do corpo e da atitude?
prolongado caminho nem que condutor à saturação encapotada?

Vivência superficial feita de fait-divers e não de curiosa partilha sem hora nem condicionalismos marcados?

Será assim tão impossível iniciar o conhecimento na distância? julgo que não e defendo tal desiderato.


ASSIM AQUI DEPOSITO A MINHA HOMEGAEM AOS BLOGGERS, ESSES ALADOS TRANSMISSORES DE LAÇOS DE PARTILHA!


De ** minhas estrelas ** a 18 de Janeiro de 2008 às 23:25
Uma frente de felicidade
Vai atingir a região sul do teu coração,
No norte chovera alegria e
Nas demais áreas muito amor!!!
   _..._.._
  _..._ ..._(... (  ...).._
  (_....__..._) _(.. (  ...)
  /(_...._)(_...._..._)\
 // / / / / | \ \ \ \
 / / / / | \ \  \
/ /  /  /  | \  \  \
♥ ♥    ♥  ♥ ♥   ♥    ♥ 
♥   ♥ ♥   ♥ ♥ ♥ ♥
♥ ♥   ♥   ♥    ♥ ♥ ♥   ♥
♥   ♥   ♥  ♥   ♥ ♥
♥  ♥    ♥   ♥ ♥ ♥   ♥
♥   ♥ ♥   ♥   ♥   ♥   ♥
♥   ♥   ♥   ♥    ♥   ♥  ♥  

´´´, •♥♪♥♪♥♪♥♪♥♥♪♥♪♥♪- ♪♥
´´´¢ /Λ\♥♪♥♥♪♥♥♪♥♪♥♥♪♥♪-- ♥•
´´¢ /.....\♥♪♥♪♥♥♪♥♪♥♥♪♥♪-- ♥♪♥•
´¢ / ๑۩ ๑_\♥♪♥♪♥♪♥♪♥♪♥♪♥♪- ♪♥•
¢/¨๑۩۞۩๑_\´♪♥♪♥♪♥♥♪♥- ♥♪♥♪♥♪♥
¨▓¨.♪♥♥♪.▓♥♪♥♪♥♪♥♪- ♪♥♪♥♪♥♪♥•|
¨▓¨.♪♥♥♪.▓¨★★★★★¨¨¨¨-- ¨¨¨¨★★★
¨▓¨.♪♥♥♪.▓¨★★★★★¨¨¨¨-- ¨¨¨¨★★★
¨▓¨.♪♥♥♪.▓••••••••- •••••••••••.•••••-- ••••••
¨♥♥======♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥- - ♥♥♥♥♥♥♥
O meu desejo é que chova muita alegria na tua vida e que sejas muito muito feliz.....




OLA AMIGA ESTOU A VER QUE BEM PRECISAS DESTA CHUVA NO TEU CORAÇAOZINH TENTA LEVANTAR A CABEÇA E VOLTA PARA JUNTO DE NOS


De Chicailheu a 12 de Fevereiro de 2008 às 16:25
Izilda
Em primeiro lugar quero dar-te os meus sentidos Pêsames, e depois pedir imensas desculpas, de só agora o está fazendo!
Como estavas para Guimarães, nunca pensei que continuasses a escrever no teu blog?!

Penso que aceitas, e desejo que o teu filho esteja a recuperar bem, e que voltes para o teu cantinho, o mais breve possível!

A vida prega-nos estas partidas. mas, como dizes, se a tua mãe era assim tão boa, só podes ter muitas e boas recordações, que te ajudarão a recuperar dessa enorme perca e dor!

Gostei da surpresa do teu telefonema e de falar contigo.
a Elisa aguradao teu telefonema e demonstrou muita vontade de te conhecer pessoalmente.
Pediu-me o nr. do teu Telemóvel e eu dei.

Tudo de bom.
Beijinhos no teu coração.
Chicailheu




Comentar post

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Janeiro 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
19
20

21
22
23
25
26
27

28
29
30
31


Posts recentes

D. Amélia dos olhos trist...

De volta!

Mãe...

...

40 anos...

...

Saudade

...

Balada da neve

Páscoa

Arquivos

Janeiro 2018

Maio 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Setembro 2014

Julho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Julho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Outubro 2012

Julho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007